Posts

A AGP tira sua dúvida (nº 35)

> O INPI me avisa se alguém usar a minha marca?

Não. O INPI apenas registra a sua marca e lhe dá o direito de defendê-la se outra empresa a utilizar, mas cabe a quem registra o dever de vigiar o mercado para evitar o seu uso ilegal.

Túnel subterrâneo de Elon Musk para viajar a 200 km/h saiu do papel e é realidade

Quando Elon Muks falou que ficou bravo por estar preso no trânsito de Los Angeles e que iria fazer um túnel para que os automóveis circulassem a 200 km por hora, muita gente não acreditou.

Mas, as fotos mostram que ele já o fez: a prefeitura de Los Angeles autorizou sua empresa, a Boring, a escavar 150 metros sob a cidade, onde Musk já instalou o túnel com trilhos e outros equipamentos.

Musk também acaba de conseguir autorização para outro túnel no estado de Maryland, onde construirá um hiperloop entre Nova York e Washington, D.C.

A AGP tira sua dúvida (nº 34)

> Mesmo já estando registrada, posso perder a minha marca?

Sim, pode. O artigo 142 da Lei nº 9.279, que instituiu as normas do registro de marcas, cita os casos em que isso pode ocorrer. Porém, o que comumente mais acontece é:
– A marca não tem o registro renovado e perde a validade;
– Uma outra empresa pede a anulação do registro ou a caducidade da marca, o dono não se manifesta e perde a marca que legitimamente era sua;
– A marca é alterada, a empresa deixa de usar a marca que havia registrado e não registra a nova.
Em todos estes casos, sim, é possível perder uma marca legítima.

Estudante desenvolve roupa que cresce junto com as crianças

Ryan Mario Yasin, um estudante do Royal College of Art, na Inglaterra, bolou uma coisa magistral: uma roupa que não se aposenta precocemente.

Baseando-se em seus conhecimentos de engenheiro aeronáutico na criação de satélites, desenvolveu um conjunto de dobras em fibras de carbono que tornaram possível a roupa esticar quando necessário.

WhatsApp para empresas já está em fase final de testes

> Empresas poderão cadastrar telefones fixos

O WhatsApp para empresas já é uma realidade. Os testes estão na fase final e logo as empresa poderão ter um canal com os clientes via WhatsApp Business. E por telefone fixo, dispensando a obrigatoriedade de usar um número de celular.

Haverá duas versões: uma para pequenas empresas e outra para ‘maiores’. Evidentemente, a segunda será paga.

A empresa terá um perfil bem diferente, a começar pela logo do WhatsApp Business: será o mesmo ícone da logo particular, mas com um ‘B’ maiúsculo dentro, no lugar do telefone, para diferenciar. A empresa poderá inserir seus dados comerciais, email, site etc. e poderá também especificar, tal como na fan page do Facebook, os horários de atendimento.

A AGP tira sua dúvida (nº 33)

> O que é processo de nulidade?

Nulidade vem de ‘nulo’, ou seja, sem valor ou inexistente.

Se o INPI concedeu o registro da marca à sua empresa, qualquer pessoa pode pedir, dentro do prazo de 6 meses, o seu cancelamento ou anulação. Claro, ela precisará fornecer boas razões para isso.

Você poderá, evidentemente, se defender. E poderá usar a marca que registrou enquanto correr o processo.

A europeia Airbus lançará táxi voador em 2018

Dubai já tem um drone sem piloto que transporta passageiros. Como a coisa parece que começou a funcionar pra valer, a Airbus lançará o seu em 2018.

O CityAirbus leva 4 passageiros, levanta e pousa no mesmo lugar, é 100% elétrico e voa a 120 km/h. É o táxi do futuro.

Uber tem permissão para gravar secretamente a tela do seu iPhone

Os problemas do Uber parecem não ter fim. Will Strafach, um especialista em segurança, descobriu que o app da empresa consegue gravar a tela de um iPhone sem que o usuário saiba.

O Uber diz que essa facilidade não é mais utilizada, mas o mais estranho de tudo é que, para ter essa permissão, a Apple precisa concedê-la. Segundo especialistas, isso parece ter sido oferecido ao Uber e a mais ninguém.

Chegou o HD com incríveis 14 TB de capacidade!

A Western Digital anunciou um HD com14 TB de capacidade, o Ultrastar Hs14.

Ele é capaz de trabalhar 24 horas por dia: o indicador de confiabilidade que estima o período médio entre falhas (quanto mais horas, melhor) é de 2,5 milhões de horas e a garantia é de cinco anos. Estima-se que o modelo custará cerca de US$ 650.

Patentes para micro e pequenas empresas agora saem em menos de um ano

A via rápida para registro de patentes das micro e pequenas empresas começou a funcionar em fevereiro de 2016. De lá para cá, 127 pedidos usaram esse caminho.

Segundo a CNI – Confederação Nacional da Indústria, os pedidos de patentes vêm sendo decididos em menos de 280 dias, enquanto para as outras empresas a espera pode superar 10 anos.